Morre o técnico e ex-jogador Argeu dos Santos

Morreu na madrugada desta quinta-feira (11) o técnico e ex-jogador do Ceará Argeu dos Santos. Ele lutava contra um câncer de próstata.

Desde 2015, Argeu lutava contra problemas de saúde. A informação foi confirmada por uma amiga próxima da família.

Argeu foi um dos maiores zagueiros da história do futebol cearense. Além de ter jogado no Ceará, o atleta passou, como treinador, por vários clubes do futebol local, conseguindo vários acessos e levando outros a finais de turno e campeonato, como Horizonte e Guarany.

Ele tinha 63 anos e chegou a se afastar do futebol entre 2014 e 2015 por problemas decorrentes de uma hérnia de disco, anormalidade na próstata e uma ferida na perna.

Biografia

Argeu dos Santos iniciou a carreira como jogador em 1972 pelo Vasco da Gama. Zagueiro técnico e de boa velocidade e marcação, logo chegou ao time titular ajudando o clube carioca a conquistar o título brasileiro de 1974. Após passagens pelo Vasco, Campinense e América de Natal, Argeu foi contratado pelo Ceará no início dos anos 1980 onde ajudou a conquistar o certame local de 1980, 1981, 1984 (marcou três gols no certame) e 1986. Após atuar pelo time Alvinegro, Argeu tem uma rápida passagem pelo Central de Pernambuco e Fluminense de Feira de Santana.

Nos anos de 1991 e 1992, Argeu se tornou ídolo do Fortaleza depois das conquistas do cearense. O atleta ainda vestiu as camisas do Ferroviário, Moto Club, Tiradentes/CE, 4 de Julho e encerrou a carreira no Quixadá em 1994.

Como treinador, Argeu dos Santos ficou conhecido como o “rei do acesso”, por ajudar muitos clubes do Interior a realizar conquistas. Trabalhou como técnico no Quixadá, Fortaleza, Ferroviário, Uniclinic, River do Piauí, Boa Viagem, Maranguape, Crateús, Central de Pernambuco, 4 de Julho, Botafogo/PB e Horizonte.

Um dos seus maiores trabalhos como treinador foi com o Horizonte em 2008. Com ele no comandado, o Galo realizou uma das suas melhores campanhas no certame local. Com um time formado por Jefferson, Izaquiel, Gilmak, Eusébio, Júnior Cearense, Raul, Léo Jaime e Stênio, o Horizonte chegou a decidir o 2º Turno com o Fortaleza. Primeiro jogo da final saiu 3 a 1 para o Fortaleza. No segundo o Galo venceu por 1 a 0. Na decisão nos pênaltis deu Tricolor pelo placar de 5 a 4.

Ceará, Fortaleza e Ferroviário divulgam nota de pesar pelo falecimento de Argeu dos Santos

O Ceará, clube onde Argeu se destacou notadamente, lamentou e decretou luto no clube por um dia.

“O futebol cearense perde um dos seus grandes símbolos e um pouco da sua memória”, trecho da nota ofical do Ceará Sporting Club”

Pelo Alvinegro, foi campeão estadual em 1984 e 1986. O retrospecto no Ceará Sporting Club, entre 1982 e 1988, foi de 269 jogos e 24 gols marcados.

Já o Fortaleza Esporte Clube, onde Argeu atuou no início dos anos 90, também demonstrou apoio.

“Fortaleza se solidariza com família e amigos de Argeu dos Santos, ao tempo que presta as condolências”

O Ferroviário, clube onde o ex-zagueiro não apenas atuou mas também foi técnico, também mandou a sua mensagem.

“O Ferroviário Atlético Clube lamenta profundamente o falecimento do ex-atleta e técnico Argeu dos Santos. Com toda uma vida dedicada ao futebol, Argeu foi um dos maiores zagueiros do futebol cearense e teve grande destaque como técnico no futebol local”.

Argeu dos Santos é velado na manhã desta quinta-feira, no Ginásio Joaquim Domingos Neto, do Horizonte Futebol Clube. O sepultamento acontece no Cemitério Municipal de Horizonte.

Em 2016, Argeu lembrou ao Diário do Nordeste o dia em que enfrentou Romário no Castelão, 30 anos antes. Assista:

Com informações: Diário do Nordeste