Hemoce muda horário de funcionamento aos domingos

A partir deste mês de março, o Hemoce, do Governo do Ceará, terá novos horários de funcionamento para receber as doações de sangue na sede em Fortaleza e no Posto de Coleta no Instituto José Frota (IJF). O atendimento na sede do Hemoce agora será apenas de segunda a sábado, dias com maior número de doações de sangue. Os horários permanecem os mesmos: 7h30 às 18h30, de segunda a sexta-feira, e 8 às 16h, aos sábados. Aos domingos, os voluntários poderão doar sangue no posto de coleta no IJF.
Em março, o posto do Hemoce no IJF terá o horário dominical estendido. A mudança já começa a partir de hoje, dia 4, com o atendimento iniciando mais cedo. O novo horário será de 8 às 17h30. Em abril, o posto no IJF volta a receber os doadores de sangue em seu horário normal para os domingos: das 13 às 17h30.

Com a solidariedade da população, o Centro de Hematologia e Hemoterapia do Ceará garante atendimento transfusional dos pacientes atendidos em mais de 450 unidades de saúde do Ceará. Além de Fortaleza, as doações podem ser realizadas nas unidades do Hemoce em Quixadá, Iguatu, Crato, Sobral e Juazeiro do Norte. (Confira aqui os horários de atendimento).

No Ceará, o Hemoce é responsável pelo cadastro de doadores de medula óssea. Atualmente são 176.340 pessoas cadastradas para doação de medula óssea. Nas regiões Norte e Nordeste, o Ceará é o estado com o maior número de pessoas cadastradas, segundo dados do Redome. O hemocentro cearense é ainda um dos centros de referência no Nordeste para coleta de medula óssea, recebendo doadores de outros estados como Rio Grande do Norte e Bahia para o procedimento. Desde 2012 já foram feitas 44 coletas de medula óssea, cujo material foi enviado para ser transplantado em pacientes de outros estados e países, além dos que são atendidos no próprio estado do Ceará.

O Hemoce também realiza atendimento a pacientes com coagulopatiase, hemoglobinopatias ou que necessitam submeter-se à transfusão de sangue. O Hemoce é o único centro de referência no estado para o atendimento das pessoas com hemofilia, em todas as faixas etárias. O hemocentro de Fortaleza coordena todo este trabalho e também supervisiona o tratamento nas unidades regionais (Sobral, Crato, Iguatu e Quixadá).

Com informações: Natássya Cybelly – asscom@hemoce.ce.gov.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *