Prefeitura de Caucaia sensibiliza população para cumprimento do isolamento

A Prefeitura de Caucaia continua realizando diversas ações de conscientização da população sobre o isolamento social ser a arma mais eficaz contra o novo coronavírus (Covid-19), como aponta pesquisas médicas e relatórios emitidos pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e Ministério da Saúde a partir de cidades que adotaram tal medida.

Em blitz instalada nas principais vias de acesso a cidade, agentes em saúde e de órgãos parceiros como Guarda Municipal de Caucaia e Polícia Militar, entregam as pessoas máscaras de tecido reutilizáveis e são instruídas sobre as melhores formas de conter a não proliferação do vírus: ficar em casa.

“É como diz o velho ditado: é melhor prevenir do que remediar. Evitar qualquer doença é sempre melhor do que pegar a doença e tratar. Esse é um vírus potencialmente grave que tem matado muitas pessoas no mundo e não queremos ele em Caucaia”, afirma Alex Mont’Alverne, médico clínico e cooperador técnico da Secretaria Municipal de Saúde (SMS) de Caucaia.

O índice de letalidade pela doença está em cerca de 7% no país, ou seja, a cada 100 pessoas que são infectadas pelo novo coronavírus, 7 morrem. “É uma doença que pode ser leve, mas também pode ser muito grave. Então a melhor forma de evitar o contágio é o isolamento”, ressalta o médico. Nesta quarta-feira (20), Caucaia contabilizou 557 pacientes recuperados do novo coronavírus.

“A prefeitura vem desenvolvendo um sério trabalho de conscientização, mas ainda há certo movimento de pessoas no centro da cidade. Enquanto algumas pessoas estão despreocupadas se expondo aos riscos, outras estão muito temerosas. Devemos ter o respeito aos riscos. Há o risco de contaminação e isso não podemos negar”, diz o secretário de saúde de Caucaia, Moacir Soares.

Ele ressalta que os equipamentos de saúde do município estão preparados para receber os pacientes. “Em casos de sintomas leves, o paciente deve procurar alguma das 45 unidades de saúde que será atendido por um médico e encaminhado para tratamento de acordo com os sintomas apresentados. Em casos de sintomas graves, o paciente pode procurar atendimento direto nas UPAS Centro e Jurema ou no Hospital Municipal Abelardo Gadelha”, finaliza Moacir.

 

Com informações: ASCOM da Prefeitura de Caucaia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *