Sesa divulga primeiro boletim epidemiológico das arboviroses de 2020

Em 2020, o número de casos de dengue registrados no Ceará diminuiu 64% em relação ao passado. Até a primeira semana de fevereiro, 173 casos da doença foram confirmados no estado. Em 2019, 480 casos foram registrados no mesmo período. As informações constam no boletim epidemiológico das arboviroses divulgado nesta terça-feira (18), pela pela Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa).

A incidência de dengue no estado é de 16,7 casos por 100 mil habitantes. De acordo com o Sistema de Informação de Agravos de Notificação(Sinan), 380 casos suspeitos da doença já estão descartados. O boletim epidemiológico apresenta, ainda, o número de casos suspeitos de dengue, chikungunya e zika.

Prevenção

Eliminar o foco do mosquito Aedes aegypti é a única forma de prevenção e proteção contra as doenças. É preciso manter os quintais sempre limpos, recolher, eliminar ou guardar longe da chuva todo objeto que possa acumular água, como pneus velhos, latas, recipientes plásticos, tampas de garrafas, copos descartáveis e até cascas de ovos. O lixo doméstico deve ser acondicionado em sacos plásticos e descartado adequadamente, em depósitos fechados.

Campanha

De acordo com campanha da Sesa, basta 10 minutos de atenção por semana para eliminar focos de água parada na sua casa e ficar livre do mosquito transmissor de dengue, chikungunya e zika.

 

Com informações: ASCOM do Governo do Ceará

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *