Associação proprietária de sede do Ceará cobra suposta dívida de R$ 12 milhões

O local onde o Ceará realiza os treinamentos diários, a sede Carlos de Alencar Pinto, virou motivo de imbróglio judicial entre a Associação Desportivas dos Amigos Alvinegros (ADAC), proprietária do terreno, e o clube. A entidade acionou o Alvinegro na Justiça cobrando uma suposta dívida de R$ 12 milhões por débitos de relativos ao uso do equipamento de dezembro de 2013 até fim de 2018. O caso corre na 27ª Vara Cível…